Loja em Limeira Entrega Orgânicos Certificados em toda a Região

Fotos: Senhora Mesa por Guillermo White   Reportagem: Manuela Vergamini

Há 15 anos o engenheiro mecânico José Roberto Dalfré foi contratado para trabalhar na manutenção das máquinas e equipamentos de uma fazenda em Itupeva, no interior de São Paulo. O local estava começando a produzir orgânicos e Roberto se interessou pelo assunto. Era ele quem levava os produtos produzidos ali para as feiras e eventos relacionados ao tema por toda a região, até que em 2001 foi morar em Limeira e abriu a Terra & Vida Alimentos Orgânicos.

A loja fica no centro da cidade e oferece diversos produtos entre legumes, verduras e frutas, além de alguns processados como doces, compotas e laticínios. Mas o que vem fazendo mais sucesso é a entrega de porta em porta da cesta de orgânicos da loja. Com a ajuda da mãe Maria e da linda filha Mariá, Roberto monta as cestas e faz a entrega na casa do cliente em Limeira, Piracicaba, Barão Geraldo, Rio Claro e Americana. Todos os produtos são certificados. O melão, por exemplo, vem da Paraíba, a manga da Bahia e a pera, da Patagônia! Roberto trabalha com 17 produtores da região, além de buscar outros diretamente no CEAGESP (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo.

Cliente assídua da loja, Glaucia Giacon faz questão de cruzar a cidade para escolher os ingredientes para a mesa da semana. “Sempre quis me alimentar com orgânicos, mas por comodismo e falta de informação eu acabava esquecendo o assunto”, conta. Há três meses Glaucia mudou sua alimentação e já sente os efeitos positivos do consumo de orgânicos. “Sinto que estou comendo algo realmente natural, puro, limpo. Me lembro da infância, quando subia em árvores para comer a fruta no pé”, completa.

Loja em Limeira Entrega Orgânicos Certificados em toda a Região

José Roberto Dalfré tem Loja em Limeira que Entrega Orgânicos Certificados em toda a Região na porta de casa.

Cesta de orgânicos em Limeira entrega em toda a região na porta de casa.

Cesta de orgânicos em Limeira entrega em toda a região na porta de casa.

Direto da Roça!

A revista Senhora Mesa visitou o sítio Ponte Funda, em Paulínia, um dos fornecedores do Roberto, e que há 15 anos produz cenoura, berinjela, vagem, maracujá, pepino, abobrinha e beterraba sem qualquer agrotóxico ou pesticida. “Usamos apenas um fertilizante, também orgânico. Ele é produzido com resíduos de peixe, água e glicose”, explica o produtor Nelson Nakaz.

O produtor Nelson Nakazsítio cultiva no sítio Ponte Funda, em Paulínia, com orgânicos certificados.

O produtor Nelson Nakazsítio cultiva no sítio Ponte Funda, em Paulínia, com orgânicos certificados.

produtor-organicos-senhora-mesa

produçao-organicos-senhora-mesa

 

produtor Nelson Nakazatto

produtor Nelson Nakazatto

atto.  A lavoura é belíssima e muito bem cuidada, apesar da falta de chuvas.

 

CONSCIÊNCIA E SAÚDE

Em novembro Limeira sediou o 1º Festival de Gastronomia Consciente. Organizado pela Zem%Bem, o evento aconteceu no Centro Municipal de Eventos da cidade e recebeu mais de 10 mil pessoas que visitaram expositores de diversos segmentos entre lojas de produtos naturais, sustentabilidade, cosméticos, vestuário e alimentação. O evento contou ainda com atividades gratuitas como oficinas de gastronomia vegana, aulas de tai chi chuan, yoga e danças circulares.

Conversamos com um dos idealizadores do projeto, Elias Pereira, terapeuta especialista em dietas curativas e alimentação saudável.

Senhora Mesa – Porque criar um evento como esse?

Elias Pereira – Nosso intuito foi mostrar para todos que podemos mudar nossa cultura de má alimentação, sem necessidade de suplementos ou outros químicos para melhorar nossa saúde. Temos percebido que cada vez mais pessoas despertam e querem se alimentar de uma forma saudável. A alimentação orgânica está totalmente relacionada à atividade cerebral das crianças e adolescentes. Se investirmos nesse tipo de alimentação, teremos filhos muito mais inteligentes e menos propensos a certos tipos de doenças que as crianças em geral.

SM – Quais as principais diferenças entre alimentos orgânicos e inorgânicos?

EP – Além do sabor incomparável, ainda tem a questão da saúde. Um alimento orgânico, por estar respeitando o calendário agrícola, vem com muito mais nutrientes e vitaminas em comparação a um cheio de agrotóxico.

Senhora Mesa – Então o sabor é mesmo diferente?

EP – Incomparável! Quando se come um tomate orgânico, por exemplo, não se consegue comer um inorgânico. Eles perdem o gosto, ficam sem graça…  Se você quer descobrir realmente o sabor de um alimento, experimente comer um orgânico.

SM – Os orgânicos duram mais tempo na geladeira? Quais as maneiras mais adequadas de se conservar esses alimentos?

EP – Sim. Com certeza são mais duráveis pois são muito mais fortes, visto que estão sendo colhidos na hora e no tempo certos. A maneira mais correta de conservar é comprar apenas a quantidade que vai usar na semana, lavar bem as folhas e conservá-las na geladeira, acondicionadas em saquinhos ou potes herméticos. Legumes e frutas costumam durar mais.

SM –  E no preparo deles existe algum “segredinho” para que sejam melhor aproveitados?

EP – Não existe nenhum segredo. Acreditamos que usando um alimento muito rico, não devemos desperdiçar nada dele. Então, se criarmos receitas em que possamos usar as cascas e outras partes que seriam descartadas, estaremos nos alimentando com todo o potencial nutritivo do alimento.

 

O Brasil é o maior consumidor de agrotóxico do mundo.

Ingerimos 5,2 litros de agrotóxico em média por ano.

Está em nossas mãos a responsabilidade de mudar isto de imediato e proporcionar um futuro mais adequado aos nossos filhos.

(Do documentário “O Veneno Está na Mesa”, de Silvio Tendler)

 

 LEIA TAMBÉM

SENAC ABRE INSCRIÇÕES PARA CURSO DE CONFEITARIA
P.F. CHANG´S ABRE AS PORTAS EM CAMPINAS
TRUFA DE OREO