Pizzone- uma pizza recheada, simples e cheia de sabor!

O restaurante com ares de “supper clube”, só abre aos finais de semana e recebe no máximo 16 pessoas. O menu surpresa – alterado conforme restrições – é sempre baseado em algum tema. Da cozinha ao salão o comando é das amigas Carla Gonçalves e Cristiane Paula da Silva e são elas que revelam os segredos do menu anterior, como este pizzone, que fazia parte da entrada.

LEIA GRÁTIS A REVISTA ONLINE COMPLETA CLICANDO AQUI.

A casa particular não ostenta placa e nem aviso de que ali existe um restaurante. Aliás, bem privado. Comandado pelas amigas Carla Gonçalves e Cristiane Paula da Silva, os dois salões comportam apenas 16 pessoas por noite, e abre somente às sextas e sábados para o jantar, com reserva antecipada. O menu de cinco tempos muda a cada temporada, é fixo, não informado para o visitante, mas permite mudanças de acordo com a restrição do convidado. Numa horta no fundo da casa floresce boa parte das ervas e legumes usados nas receitas.

Não deixe de conferir a reportagem completa na Revista Senhora Mesa e agendar a sua visita ao Baroque Cozinha Afetiva. Rua André de Mello, 281. Capivari. (19) 99155-6599.

A receita de pizzone abaixo você só confere aqui!

Pizzone

Baroque Cozinha Afetiva (Capivari)

Ingredientes

30 g fermento fresco

250 ml de leite

125 ml de óleo

1 pitada de sal

1 pitada de açúcar

1/2 kg de trigo até dar o ponto
q.b tomate italiano rodelas

q.b queijo Canastra

q.b manjericão

 

Preparo–  dissolva o fermento no leite morno, acrescente o óleo, sal e açúcar. Aos poucos vá acrescentando o trigo até a massa ficar macia e desgrudar da mão. Deixe descansar por 15 minutos. Depois divida a massa em 3 partes e abra com o rolo. Rende 3 unidades. Preparo recheio-  após abrir a massa passe molho de tomate, colocar queijo Canastra, tomate italiano em rodelas e manjericão. Dobre como uma fralda, coloque na assadeira com a parte dobrada para baixo, pincele com gema e levar para assar por cerca de 45 minutos ou até que fique dourado.