Sequilhos de Doce de Leite com Canela

Sabe aquelas receitas super-rápidas e que deixam os convidados de queixo caído por não acreditarem que aquilo foi feito em casa tão rapidamente? Tenho a sorte de ter à mão vários desses curingas, no melhor estilo “facim-facim” de fazer no meu livro de receitas.

Daqui de casa, ninguém sai sem um cafezinho, um pedacinho de bolo, uma colherada de brigadeiro fresco feito na hora. Não sei receber sem ofertar algo. Coisas de família, bem no estilo Guimarães de ser. Sendo assim, ter à mão uma receitinha “facim-facim” para fazer para os convidados ou simplesmente para encher a mesa num dia qualquer, é sempre uma ótima pedida.

Dia desses, num sábado bem cedo cedo, preparei uma de minhas receitinhas mais simples e mais deliciosas para se acompanhar um cafezinho: meus sequilhos de doce de leite com canela. Adoro como a base da receita simples acolhe qualquer tipo de sabor, incluindo uma infinidade de especiarias que podem ser acrescentadas de acordo com seu gosto.

No meu cardápio sempre estão as de doce de leite com canela, as de baunilha com nozes, as de baunilha com limão, as de laranja com cardamomo e a mais recente com a ajuda do marido, de leite condensado com cumaru (a baunilha brasileira ou fava tonka).

Quer aprender? Então segue a receitinha! Eu garanto que além de “facim-facim” você vai se divertir criando os próprios sabores de sequilhos para acompanhar o café.

Sequilhos de doce de leite com canela

Ingredientes:

Uma lata de leite condensado cozido frio – Para esta receita uso o leite condensado cozido mas, para inventar a sua, pode-se usar o leite condensado “cru”

Duas gemas de ovo

Amido de milho até dar o ponto de massa de pão

1 colher de café de canela

110 gramas de manteiga sem sal – Quanto melhor for a manteiga, melhor a textura e sensação de derretimento na boca dos seus sequihos.

 

Preparo:

Cozinhando o doce de leite – Eu costumava cozinhar o leite condensado na panela de pressão para apurar o sabor transformá-lo em doce de leite, mas as novas embalagens com lacres de segurança têm me privado disso. Para cozinhar, você pode apurá-lo no micro-ondas em uma travessa, retirando de 2 em 2 minutos para bater com um fuê até chegar à cor e sabor que deseja. Deixe esfriar bem!

A massa – Junte todos os ingredientes úmidos em uma travessa e misture tudo. Pode-se usar uma pequena batedeira de mão, mas se não tiver, uma colher de pau vai servir. Comece a colocar o amido de milho aos poucos para chegar ao ponto de massa de pão. Ela vai ficar bem lisinha.

Faça bolinhas – Depois de pronta, a massa não precisa descansar! Faça pequenas bolinhas (do tamanho de um brigadeiro generoso de festinha!) e coloque em uma assadeira untada, deixando espaço de um dedinho entre elas. Com a ajuda de um garfo, amasse levemente formando moedas gordinhas da massa. Não amasse muito! Se ficarem mto fininhas elas assam rápido e ficam muito sequinhas. Mais cheinhas garantem uma leve umidade que fazem toda a diferença ao provar!

No forno – Vinte minutinhos no forno pré-aquecido a 200 graus e voilá. Como cada forno é diferente, fique de olho depois dos 15 minutinhos. Como ela sempre vai ficar clarinha por cima, pode enganar os olhos dos menos experientes na cozinha. Procure levantar uma delas e ver se a parte de baixo já está marronzinha. Esse vai ser o ponto se ficar em dúvida.

Tempo de preparo: entre preparar tudo e assar, 45 minutos! (Dá para fazer para o café da manhã no domingo!)

Rendimento: até 60 sequilhos

LEIA TAMBÉM

ARROZ-DOCE FILOSÓFICO
RECEITAS PRONTAS SÃO MEMÓRIAS TEMPERADAS
PARA COMER REZANDO