Você está em:
Entrevistamos Helena Paulino – Barista e proprietária do Malabarista Cafés Especiais

Entrevistamos Helena Paulino – Barista e proprietária do Malabarista Cafés Especiais

Compartilhe
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Versão para impressão

Conteúdo da publicação

Malabarista Café traz grãos especiais e sabores de qualidade para a bebida mais consumida no Brasil

Reportagem Carol Duarte para Senhora Mesa

O Dia Mundial do Café é comemorado anualmente no dia 14 de Abril (hoje). E não dá pra negar que essa é uma das bebidas mais adoradas e consumidas no mundo. O legal é que cada um tem seu favorito, ou talvez até dois! Seja ele pingado, carioca, cappuccino, americano, expresso ou com especiarias, o café é uma paixão mundial!

Foi no início do ano passado que um lugar especial, montado através da experiência de duas empresárias, aromatiza uma das entradas do Shopping mais charmoso da região de Campinas e oferece diferentes experiências para o paladar, com cafés especiais.  Helena Paulino e Marília Luz oferecem através do Malabarista Cafés Especiais sabores e aromas únicos para os amantes da bebida, em grãos selecionados e formas diferentes de preparo, tornando a hora do “cafezinho” um momento agradável, de resgate à cultura cafeeira.

graos-especiais-malabarista-cafe-senhora-mesa
Grãos especiais do Malabarista.

O café sempre esteve presente na vida de Helena. Sua família é de tradicionais produtores no Sudeste de Minas Gerais e Helena seguiu os passos tornando-se também cafeicultora, mas no Triângulo Mineiro. Após alguns anos, Helena e Marília, que além de empresárias são primas, decidiram expandir o café para novos horizontes, criando a Agroconcierge, que tinha como foco mostrar aos compradores internacionais as plantações de cafés especiais do país, pois o Brasil é o maior produtor do mundo de grãos. A partir daí surgiu à vontade de implantar o projeto do Malabarista Cafés Especiais e a cidade escolhida foi Campinas no interior de São Paulo.

french-press-malabarista-cafe-senhora-mesa
Café coado pelo método french press.

Eu tenho a teoria de que o brasileiro consome café com muito açúcar (ou como diria minha avó: açúcar com café) porque a maioria de nós está acostumado com o grão de baixa qualidade. Se o café é de qualidade prometo que nem açúcar, muito menos adoçante será adicionado à bebida. Além disso, Helena aponta outros problemas: “Muitas cafeterias não têm máquinas corretamente reguladas, não utilizam temperaturas apropriadas para o preparo de um expresso, por exemplo. O Malabarista Cafés Especiais tem por objetivo servir o café de forma adequada, preservando o sabor, tornando esse momento mais prazeroso”.

cafe-malabarista-com-bolo-de-bem-casado-senhora-mesa
Vai um cafézinho com um bolo bem casado pra acompanhar?

Muito mais que uma simples composição de pó e água, o café tornou-se marca registrada do brasileiro. Atualmente encontramos variações quentes e geladas do grão torrado do café.  Além de ser o sabor principal de pratos e sobremesas como, por exemplo, o delicioso tiramissú, sobremesa típica da Itália.

O consumo mundial de café é tão expressivo, que diversas casas europeias ficaram mundialmente conhecidas, como o Café Nicola, em Lisboa, onde o poeta Bocage deliciava-se com a bebida, o Virgínia Coffee House, em Londres, e o Café de La Régence em Paris, onde se reuniam nomes famosos como Rousseau, Voltaire, e Diderot.

Marília, prima e sócia de Helena contou que o café Malabarista é em um quiosque em frente à livraria da Vila, no Galleria Shopping, pois elas queriam um lugar de movimento e que as pessoas estivessem acostumadas a parar pra tomar um café.

malabarista-cafe-senhora-mesa
Não tem nada melhor que um excelente café coado na hora, não é mesmo?

Além de vários tipos de cafés especiais, o cardápio tem ainda bebidas geladas com café, sucos naturais, pães, tortas, quiches, croissant e bolos, tudo preparado com ingredientes frescos e selecionados. A seguir você confere a entrevista que fiz com Helena Paulino – Barista e proprietária do Malabarista Cafés Especiais!

O que significa café pra você Helena?

Helena Paulino – O café para mim é uma grande paixão que se tornou um negócio. Tenho prazer em estudar, pesquisar, conhecer mais sobre o universo do cafeicultor, pois é tudo muito dinâmico. Especializei-me na área e além de produtora e proprietária do Malabarista Cafés Especiais, tenho formação de barista.

Ah, então você é barista? Me conta melhor isso! 

Helena Paulino – Sou produtora de café e nos últimos dois anos fiz cursos de barista e pesquiso tudo relacionado ao café, de como transformar o grão verde em uma bebida realmente especial, extrair o melhor café para o consumidor.

Você já teve ou tem uma fazenda de café?

Helena Paulino – Minha família é de produtores de café e tenho fazenda na região Sul e no Triângulo Mineiro.

Resume pra mim, por gentileza, “tipos de café”.

Helena Paulino – O café passa por vários testes, visuais e de degustação e são classificados conforme a pontuação recebida:

– Tradicional – São os cafés que recebem entre 4,5 a 6 pontos;

– Superior – São os cafés que recebem entre 6 a 7,3 pontos;

– Gourmet – São os cafés pontuados entre 7,3 a 8,3;

– Especial – Todos os que recebem pontuação acima de 8,3 pontos.

Quanto mais pontos, mais qualidade e sabor ele tem.

Qual a forma correta de se tomar café? 

Helena Paulino – Não existe melhor forma de se degustar um café, mas sim, a forma que lhe dá mais prazer.  Têm pessoas que preferem cafés mais intensos, os que preferem sabores mais suaves, com açúcar, sem açúcar, com leite, entre outras combinações. Tudo vai da preferência que varia de pessoa para pessoa.

Você, particularmente prefere qual método de coar o grão?

Helena Paulino – Gosto muito do método americano Chemex (foto capa), quando o café passa por uma tripla filtragem, que o deixa mais leve, bastante limpo e com uma doçura acentuada.

Adoraria que você nos ensinasse qual a melhor maneira de preparar um ótimo café.

Helena Paulino – Para se preparar um bom café, a principal dica é que o grão escolhido seja de qualidade. Preferencialmente, esse grão deve ser moído na hora de ser usado para preservar o sabor. Entretanto, cada método tem a sua peculiaridade. Por exemplo, um café coado deve ter o filtro e o porta filtro escaldado antes, também se deve mexer levemente o café enquanto estiver sendo coado. Desta forma, você terá um café de qualidade e pronto para ser consumido.

E por fim, em sua opinião qual o melhor acompanhamento para o cafezinho? 

Helena Paulino – O café está presente em vários momentos do dia. Alguns momentos são aqueles que ele deve ser degustado sozinho, como logo após o almoço e durante o trabalho; outros momentos, como o café da tarde, há a preferência de tomar o café acompanhado de bolos, tortas, pães e doces. Tudo depende da preferência de cada um, não existe um melhor acompanhamento.

Se você ainda não conhece o Malabarista não deixe de dar um pulinho e degustar um dos cafés servidos por lá!

 

Malabaristas Cafés Especiais

Galleria Shopping – Rodovia D. Pedro KM 132 – Campinas/São Paulo

Telefone: (19) 3766-5300

Palavras-chaves

Gostou? Conta pra gente o que achou!

Veja mais notícias semelhantes

Ospreferidos na mesa

Receitas e promoções sempre em primeira mão

Se você quer ser a primeira a receber as novidades da Senhora Mesa e não perder nenhuma das promoções que iremos lançar, preencha seu nome e e-mail e ganhe já o e-book Cozinha fácil!

Junte-se a mais de 50.000 cozinheiros e cozinheiras do brasil e do mundo

Receba sempre em primeira mão as novidades do nosso site e comece a fazer sucesso na cozinha!